Massao Shinohara é promovido a 10º Dan

Massao Shinohara recebe 10º Dan e entra para história do esporte nacional.


Judoca de 92 anos se tornou o primeiro mais graduado do país na noite desta sexta-feira, 17, em cerimônia na Associação de Judô Vila Sônia



O mestre Massao Shinohara, 92, entrou para a história do esporte nacional na noite desta sexta-feira, 17, ao receber a faixa vermelha 10º Dan, em cerimônia realizada na sua Associação de Judô Vila Sônia, em São Paulo. O 10º Dan é o grau mais alto que um judoca pode alcançar e Massao é o primeiro do Brasil a ostentar esse título.

Veja o vídeo da cerimônia completa

"O dia de hoje é muito especial. Muito obrigado a todos pela presença e todos que me ajudaram a chegar até aqui nesses 77 anos de judô. Estou muito emocionado. Muito obrigado", agradeceu Massao diante de seus alunos e dos convidados.

Em clima de harmonia e festa, o acolhedor dojô da Vila Sônia recebeu familiares, amigos, alunos, ex-alunos, professores kodanshas, medalhistas olímpicos, como Aurélio Miguel, Rogério Sampaio, Carlos Honorato, Luiz Onmura, Henrique Guimarães, Rafael Silva "Baby", Leandro Guilheiro e autoridades, como o presidente da CBJ, Silvio Acácio Borges, e o presidente da Federação Paulista de Judô, Alessandro Puglia, responsáveis por entregar o diploma e a faixa ao sensei Massao.

"É preciso sempre reverenciar Massao Shinohara por sua conduta e pelo que ele representa para o judô brasileiro. Sua história está escrita em cada um de seus alunos, de seus amigos e de sua família. Só me resta agradecer por poder participar desse grande momento do judô nacional, realizando a merecida outorga de 10º Dan ao sensei Massao Shinohara", pontuou Silvio Acácio.

"Foi um trabalho árduo em busca desse reconhecimento ao sensei Massao Shinohara, que formou diversos atletas aqui neste dojô e transformou o judô de São Paulo. É um momento histórico para um mestre incontestável", afirmou Puglia.

O primeiro campeão olímpico do judô brasileiro e aluno forjado pelo rigor e técnica de Shinohara, Aurélio Miguel foi o responsável por falar em nome de todos os alunos e pelo kampai, o brinde em homenagem ao mestre.

"Nós, alunos do sensei Massao, tivemos a oportunidade de aprender judô aqui na Vila Sônia. Sensei Massao sempre nos ensinou commuita disciplina e buscava sempre resgatar o verdadeiro judô. É um exemplo, uma inspiração para todos nós. O judô brasileiro está em festa", resumiu o campeão. 
PERFIL - Filho de imigrantes japoneses criado em Embu das Artes, São Paulo, Massao começou a praticar judô em 1940, aos 15 anos. Sua forma de lutar chamou a atenção de Ryuzo Ogawa, um dos grandes mestres de judô do Brasil, com quem passou a treinar em São Paulo até se tornar professor. 
Em 1956, fundou a Associação de Judô Vila Sônia numa garagem alugada e conciliava as aulas com o trabalho de transportador de legumes. Com a ajuda do amigo Jorge Tatsumi e dos pais de seus alunos, angariou recursos para comprar um terreno maior e construiu sozinho o que é hoje o atual dojô da Associação de Judô Vila Sônia, fundado em 1986. 
Massao Shinohara foi técnico da seleção brasileira de judô nos Jogos Olímpicos de Los Angeles 1984, onde Douglas Vieira conquistou a prata, além de Luiz Onmura e Walter Carmona que conquistaram o bronze. Em sua trajetória como professor, Massao formou grandes faixas pretas brasileiros, entre eles seu próprio filho, Luiz Shinohara, técnico da seleção masculina do Brasil desde 2002. 

Foto: Paulo Pinto/CBJ
Fonte: www.cbj.com.br
Compartilhar no Google Plus

About Ajuxx - Judô XiqueXique

0 comentários:

Postar um comentário